Harmónica de lasagna com caril de gambas

Lembro-me de ser novita e ouvir as minhas amigas falar de caril. Mas, como a minha avó não gostava, em nossa casa não se comia. A primeira vez que experimentei devia ter quase 20 anos e adorei. 
Desde então, já se passaram alguns anos e desenvolvi uma verdadeira paixão por esta mistura de especiarias e pela cozinha oriental. Sou louca por uma boa refeição de cozinha indiana. É das melhores coisas que a vida tem, para mim. 
Há uns tempos atrás, descobri uma receita de lasagna com gambas e um creme de caril e adaptei-a para fazer um prato bonito e diferente da lasagna de carne ou do frango de caril. Uma mistura que resulta na perfeição e é linda.
Para fazer este prato usei caril pré-cozinhado da Incopil*, uma marca portuguesa que eu adoro porque tem uma textura e um sabor óptimos. Só uso este.

Ingredientes:
1/2 Kg de gambas grandes cruas
1 embalagem de lasanha fresca 
2 colheres de sopa de azeite
40 g de manteiga
50g de farinha
1 colher de sopa de caril pré-cozinhado
2dl leite
2dl natas
2 colheres de sopa de manteiga
2 dentes de alho
Sal q.b.
 Descascar as gambas e guarda-las no frio até serem usadas.
Num tachinho, derreter a manteiga, acrescentar a farinha e deixar cozinhar, sem queimar. Acrescentar o leite e o caril e deixar ferver até engrossar. Retirar do lume e acrescentar as natas. Rectificar temperos e reservar.
Entretanto, levar ao lume uma panela com bastante água, sal e o azeite. Quando estiver a ferver, introduzir as folhas de lasagna uma a uma e deixar cozer cerca de 5 minutos ( eu tirei uma para fora para provar ). Quando estiverem cozidas, retirar da água e colocar em cima de um pano húmido.
Numa sertã, derreter a manteiga com os dentes de alho. Quando estes estiverem alourados, retirá-los e saltear as gambas até estarem doiradas.
Num dos lados da folha da lasagna, colocar uma porção de creme de caril e algumas gambas. Dobrar em harmónica ( leque ) 3 vezes. Na parte fora, colocar mais creme e gambas.
Levar ao forno a 180º, numa travessa untada com manteiga, cerca de 5 minutos. Se achar que não está tostado, pode usar o maçarico para dar cor mas não deixe mais tempo no forno, para que a lasagna não fique dura.

* Não tenho qualquer patrocínio de marcas de comida , pelo que é mesmo verdade que só uso este caril. Adoro!




2 comentários:

  1. Por acaso já experimentei essa pasta de caril e concordo: é realmente boa. Fiquei curiosa com esta lasanha, tenho que a experimentar em breve (mas em dias mais frios, que dê vontade de ligar o forno!)

    ResponderEliminar
  2. Ondina, esta receita só precisa de 5 minutos de forno. Experimente

    ResponderEliminar