Pudim de leite

Há uns anos atrás, uma das minhas irmãs foi ao Brasil e chegou com uma receita que ela dizia ser deliciosa e facílima. Era um pudim de leite, que ela tinha comido e adorado.
Tomei nota da receita mas nunca a fiz, talvez por nunca ter provado e por pensar que preferia coisas mais elaboradas ( snobismo meu ).
Na semana passada, aquando da minha visita ao Rio de Janeiro, vi algumas vezes esta sobremesa na carta dos restaurantes mas nunca me senti tentada a provar.
Até que, cheguei a S. Paulo e resolvi experimentar no Bar Genial, na Vila Madalena. E, tive uma espécie de epifania porque vi o que tinha andado a perder estes anos todos. É um pudim de sabor muito delicado, macio e delicioso.
Hoje, depois de 10 dias sem cozinhar, passei a tarde na cozinha e uma das coisas que fiz foi esta receita que, de tão fácil, qualquer um pode fazer. Vamos arregaçar as mangas, pôr o avental e aventurar-nos na cozinha Brasileira.
Ingredientes

Para o caramelo: 2 chávenas ( de chá ) de açúcar
3/4 de chávena ( de chá ) de água

Levar os ingredientes ao lume até formar um caramelo louro. Para travar a cozedura e não escurecer demasiado, mal atinja a cor desejada, introduzir o fundo do tacho em água fria, por alguns segundos.
Despejar o caramelo numa forma de buraco e rodar. Virar a forma ao contrário, para que o caramelo escorra. Reservar.

Para o pudim:1 lata de leite condensado
2 medidas ( lata do leite condensado ) de leite meio gordo 
3 ovos

Bater todos os ingredientes e colocar na forma. Levar ao forno, previamente aquecido a 180º, em banho-Maria e programar 30/40 minutos.
Mal ganhe cor, tapar com uma folha de papel de alumínio e deixar cozer até que, quando espetar um palito, este saia seco.
Só desenformar depois de fio. Servir bem fresco.


25 comentários:

  1. Deve ser mesmo bom, próxima receita a fazer!!! Luísa, sera que dá para cozer na panela de pressão? Obrigada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Várias seguidoras da minha página estavam a dizer que sim. A partir do momento em que apitava, cozia 10 minutos

      Eliminar
  2. É uma receita óptima, faço imensas vezes, só que ponho 6 ovos. Tenho de experimentar com 3. O teu ficou lindo.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E eu vou experimentar com 3 ovos e 3 gemas. Deve ficar mais macio

      Eliminar
  3. É o único pudim que sei fazer... mas a minha receita é um pouquito diferente... 1 lata de leite, a mesma medica com leite e 6 ovos... ;)
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hei-de experimentar com mais ovos, também

      Eliminar
  4. A culinária brasileira é tão rica.
    Não me ajeito com pudins mas este tem um ar delicioso.

    ______________________
    Ana Teles | Telita
    blog: Telita na Cozinha

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só fiz este pela primeira vez hoje. Mas, ficou delicioso

      Eliminar
  5. Tenho uma receita muito parecida com esta, foi-me dada por uma tia que viveu muitos anos no Rio de Janeiro, a receita é feita com uma lata de leite condensado, a mesma lata de leite normal, ainda a mesma lata de ovos, 2 colheres de sobremesa de farinha maisena, e a minha tia aromatizava o pudim, com raspa de laranja ou limão ou baunilha, e cozia na panela de pressão, o procedimento relativamente ao caramelo para a forma é igual. Fica delicioso, e ainda hoje é o pudim rápido que fazemos cá em casa, todos gostam ;)
    Parabéns pela magnifica viagem, a um dos países que mais gostava de conhecer!
    Beijinhos
    Luisa

    ResponderEliminar
  6. O Avental está pronto a experimentar!!! Prometo dar notícias!!!
    Obrigado pela partilha Luísa, bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então espero ver fotos. E, já agora, hoje esteja atenta à página para ver o avental que me ofereceram

      Eliminar
  7. Gosto mesmo muito, muito deste pudim, acho que até foi o primeiro que fiz e quem o fazia cá em casa era o meu pai (na panela de pressão), que a minha mãe só faz pudins com carradas de ovos ;) Fiquei cheia de vontade de fazer um mas amanhã bem cedinho lá volto a Munique e não sei quando terei oportunidade...
    Beijinhos Luísa e bom regresso a casa,
    Inês

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa viajem, Inês. Quando regressar, experimente

      Eliminar
  8. Tambem faço um pudim muito parecido leva é mais ovos ca em casa adoram. Ficou bem bonito o seu. Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hei-de experimentar com mais ovos. Ou, pelo menos, mais gemas

      Eliminar
  9. Confesso que não sou muito fã de pudins. Não sei, talvez seja o caramelo, talvez seja a consistência. Mas desde que lambi o beiços com o teu toucinho do céu e o tutano da Olivia (eu, que não gosto de doçaria conventual!!!) já não digo nada. Um dia ainda experimento este teu pudim de leite, que é mesmo super fácil de fazer!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Joana, este é super fácil e não fica nada enjoativo. Experimenta

      Eliminar
  10. Oi Luisa, sou brasileira. .adoroo pudins e já os fiz de várias formas. Essa receita que vc tem é uma das melhores. Não há necessidade de mais ovos e o pudim feito no forno fica mais saboroso do que na panela de pressão! Raspas de laranja e limão ou baunilha tbm fica excelente! Estou adorando seu site! Bjinhos

    ResponderEliminar
  11. Fiz este pudim para a "queima" do meu afilhado e adoraram. Uma receita fácil e fica mesmo bom. Obrigada pela partilha Luísa.

    ResponderEliminar
  12. Está no forno... ;)

    ResponderEliminar
  13. Boa noite! Só uma questão: levamos ao forno com ou sem tampa? Obrigada

    ResponderEliminar