Pão de Ló da minha Céu

Eu adoro sobremesas com muitos ovos e açúcar, bem portuguesas. 
Aquele Pão de Ló cremoso, típico de Ovar,  é uma das minhas favoritas. 
Aprendi a fazer esta receita com a Céu, que trabalha cá em casa há mais de 12 anos. Ela é uma cozinheira fantástica e um dos pilares da minha vida. É graças a ela que consigo ter o meu dia-a-dia organizado, já que ela trata de tudo cá em casa.
Nunca conheci uma pessoa tão boa como ela. É uma mãe e avó extremosa, a melhor amiga que se podia ter. É a segunda mãe das minhas filhas, o que é a coisa mais importante que poderia dizer a alguém.
A Céu esteve sempre ao meu lado, nos melhores e nos piores momentos da minha vida. Sempre com um sorriso, sem nunca reclamar de nada. 
A Céu é a minha base, uma referência, um suporte. Nunca poderei ter palavras para descrever a importância que ela assumiu para mim. Sem ela, não poderia fazer metade das coisas que faço.
É por isso que o Céu tem o nome dela.
Por tudo isso, só posso dizer: " Obrigada Céu, por existir".
Deixo-vos, então, a receita de uma mulher maravilhosa:

Pão de Ló tipo Ovar

24 gemas
3 ovos inteiros
300g de farinha com fermento
450g açúcar

Aquecer o forno a 200º
Bater as gemas, os ovos inteiros e o açúcar durante 15 minutos numa batedeira. Retirar, peneirar a farinha por cima e envolver com muito cuidado.
Forrar um tabuleiro rectangular com papel almaço ( à venda em papelarias ) e deitar o preparado. Vai ao forno durante 17 minutos.
Deve ficar loirinho, cozido nas laterais e cru no centro.



18 comentários:

  1. Também adoro Luísa, vou fazer um dia destes...afinal já cheira a Natal :)
    Beijinho

    P.S: É muito bom ter pessoas assim do nosso lado, principalmente de confiança <3

    ResponderEliminar
  2. Que homenagem tão bonita! Que bom que ainda há pessoas assim! Levo a receita comigo! Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Luisa, quais as dimensões do tabuleiro?
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Ai o que eu adoro estas receitas cheias de colesterol e açúcar! :D
    Gosto muito de pão-de-ló e este deve ser muito bom...vou guardar a receita!

    Tão bonita a forma de descrever a "sua" Céu... :)
    Pessoas em quem podemos confiar não são fáceis de encontrar...e existem pessoas que não sendo sangue do nosso sangue ocupam um lugar especial na nossa vida!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A minha Céu é uma pessoa muito especial. É uma força da Natureza, com um coração de ouro

      Eliminar
  5. Grata, imensamente grata pelo modo como trata a ‘sua’ Céu. Não somos ninguém se estivermos sós! Engana-se quem pensa o contrário! E é por gestos simples, como este, mas cada vez mais raros nos dias que correm, que continuo a acreditar que, neste mundo sem tempo, existem seres humanos especiais. Tão doces como a Luísa e esse pão-de-ló!
    Beijinhos*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada pelas suas palavras, Carla. Um beijinho

      Eliminar
  6. És uma sortuda por teres a Céu na tua vida 😘

    ResponderEliminar
  7. Adoro Pão-de-ló e com o carinho com que se refere a "sua Céu" estou certa que confere a receita uma dose extra de sabor ... vou levar comigo está receita :) façam o favor de serem Felizes as duas! Obrigada Luisa!
    Conceição Ribeiro

    ResponderEliminar
  8. É tão maravilhoso como fala dessa senhora e reconhecer a sua importância. Deve ser uma grande felicidade para ela trabalhar para alguém como a Luísa. Um abraço. Adoro o seu blog.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Felicidade e sorte é eu ter a Céu ao meu lado

      Eliminar
  9. O pão-de-ló de Ovar nunca, mas mesmo nunca é feito em tabuleiro rectangular, de verdadeiro só o papel de almaço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É pão de ló tipo ovar. É o nome da receita.

      Eliminar